Cada estilo conta uma história. Conheça a moda sob um novo olhar com o Google.

Precisamos ser sinceros: às vezes, a internet é um lugar bem estranho. Além de ser possível acessar praticamente qualquer tipo de conteúdo, às vezes encontramos coisas inesperadas em lugares inusitados - como no Google, por exemplo: basta digitar duas palavras de quatro letras cada uma e o site irá mostrar uma espécie de coleção artística um tanto... diferente.

Não acredita? Acesse o Google Imagens e digite duas "palavras" escritas com quatro letras aleatórias, como "slkj lkaj", "qiuy port" ou "znvc mcnv". Depois de clicar em "buscar”, é bem provável que você se depare com imagens bastante parecidas com as que estão logo abaixo deste parágrafo. Caso não funcione, é porque uma das sequências é - surpreendentemente - uma palavra que já existe. De qualquer forma, isso tudo é bem estranho, né?

Contudo, a explicação não é tão bizarra quanto parece. Um usuário do Reddit descobriu que há dois scripts que são os responsáveis por gerar as ilustrações coloridas que você viu na busca, o "http://c0d3.attorney/_0.php?m=8" e "http://c0d3.attorney/_1.php?m=8". Dessa forma, se você alterar o último número do endereço, o script irá mostrar uma imagem diferente.

Ao se aprofundar um pouco mais na pesquisa do script, é possível que você encontre a página principal do site dos desenvolvedores. De acordo com as informações mostradas ali, trata-se de um projeto que tem como objetivo apresentar programas em Malboge, uma linguagem de programação que foi criada em 1998.

Agora, o motivo pelo qual essas imagens foram parar no Google Imagens é um pouco menos claro. Uma possível explicação é o fato de que as páginas onde essas imagens são mostradas possuem textos aleatórios. Assim, o Google pode ter indexado essas páginas, de modo que estes resultados são mostrados mesmo que você digite "palavras" sem sentido algum.

Por outro lado, segundo o próprio Google, essas imagens não têm nada a ver com easter eggs e também não estão relacionadas com o script em questão. Desta forma, a explicação mais técnica aponta que os rastreadores web indexam páginas públicas da internet e, quando alguém pesquisa algo no Google Imagens, serão retornadas imagens relacionadas às palavras pesquisadas.

 

 

FONTE: tecmundo